Artigos

O Sistema 5 por 5 de Substituições

Prof. Fernando Ferretti - Técnico da Malwee Jaraguá / SC
Publicado em 10 de junho de 2006

UM BREVE HISTÓRICO :

A exigência mental e física de um atleta de futsal,pode comprometer o rendimento individual e coletivo da equipe,tamanha é a solicitação requerida de um e de outro.

O sistema tradicional de substituições ,determinado apenas pelo baixo rendimento técnico – tático e físico mostra-se insuficiente para manter uma boa performance.O momento atual está a exigir câmbios constantes ,independentemente do momento da partida e do atleta ,visando retardar o desgaste individual e coletivo da equipe.

Na temporada de 2002,tentando fazer frente ao desgastante calendário imposto a nossa equipe (Malwee / Jaraguá) ,obrigados a jogar concomitantemente a Liga Futsal e o Campeonato Estadual de SC ,me fez buscar uma alternativa em que se combinasse ,jogar com a força próxima do máximo e descansar / recuperar os atletas já para a próxima partida.,quase sempre no dia seguinte ou 2 dias após.

Tomando por base um sistema de substituições usado por algumas equipes européias (Rússia ,Ucrânia ,República Tcheca ,etc...) e pelos EUA ( em suas equipes de show ball ) decidi colocar em quadra,a título de experiência e somente no campeonato estadual, uma equipe descansada e/ou recuperada a cada 5 minutos,tomando por base o fato de que este tempo cronometrado é ,na realidade,mais ou menos ,10 minutos corridos de uma partida ,suficientes para um bom rendimento e sem esgotamento do atleta.

A resposta satisfatória veio imediatamente já que todos jogavam num baixo nível de desgaste e cada atleta atuava ,no máximo ,20 minutos em uma partida.

O coroamento da idéia veio nos Jogos Abertos de SC ( JASC ) ,em 2003 na cidade de Blumenau. Obrigados a jogar 8 partidas em 8 dias nossa equipe ,dividida em duas formações que se revezavam a cada 5 minutos ,venceu com relativa facilidade e sem lesões ,a competição que é uma das mais desgastantes do calendário.

A partir deste momento ganhamos confiança para implantar o sistema 5 por 5 em todas as competições, inclusive a Liga Futsal ,que vencemos em 2005.

FORMANDO A MENTALIDADE 5 POR 5 :

Não basta,apenas,montar as duas formações e colocar a jogar.O conceito de plantel total ( muitos atletas em situação ótima de jogo ) vai se solidificando pouco a pouco.Os atletas passam a acreditar que participando menos ,estarão mais descansados e jogando num nível ótimo de rendimento.

O atleta entra para correr perto de seu limite ,porque sabe que será por um tempo determinado ( 5 ‘ ) ,saindo para descansar. Cria-se,então, condição para que a média das atuações individuais seja alta,melhorando também o rendimento coletivo da equipe.

Com relação aos adversários ,o entra e sai das formações ,vai minado a sua resistência e de forma mais acelerada a das equipes de mediana ou fraca condição física.

CRITÉRIOS PARA A MONTAGEM DAS FORMAÇÕES :

As formações ,que se revezam , devem em principio , primar pelo equilíbrio entre suas linhas.

Inicio de Jogo :

Goleiro – 2 atletas com característica defensiva marcante – um ala de armação – um finalizador pivô

Na seqüência da partida ,e dependendo do resultado ,as formações vão se alterando segundo a necessidade da equipe ,ou seja ,mais defensiva ou mais ofensiva.

Necessitando atacar mais :

Goleiro – 2 alas de armação – 1 defensor predominante – finalizador / pivô

Necessitando atacar mais ainda :

Goleiro – 3 alas de armação – 1 finalizador / pivô

Necessitando melhorar a força defensiva :

Goleiro – 3 defensores predominantes – um ala de armação e / ou finalizador pivô.

Outro tema importante para a montagem das formações, é a qualidade técnica do plantel.

Dividir por 2 um plantel já limitado tecnicamente é enfraquecer mais ainda a equipe que está na quadra.

As formações devem ser equilibradas de forma que tenhamos 2 boas equipes dentro quadra, a todo momento.Este é o diferencial.

Pense nisso e até breve...

 


  Artigos  |  Curso Presencial  | Cursos OnLine  | Estágios para Treinadores  | Consultoria em Futsal  | Shop Futsal | Contato  |  

 
  Copyright 2015 Project Multimidia. Todos os direitos reservados.